Newsletter
Menu
Pesquisa
Edit.ES

Report Industry Sessions by EDIT. Set’2017

Notícia

Report Industry Sessions by EDIT. Set’2017

Nos passados dias 2 e 9 de setembro, a EDIT. Lisboa e Porto foi palco de mais uma edição das Industry Sessions. O evento que tem como objetivo juntar a comunidade digital num ambiente descontraído de partilha de conhecimento e networking, contou com 4 talks de diferentes áreas: Metodologias Agile, Design de Produtos Digitais, E-commerce e Growth Hacking.

Lisboa

Em Lisboa, Tiago Cabaço, Head of Design na Uniplaces, falou sobre a importância da iteração no design, e de como este é um processo contínuo de melhoria da experiência do utilizador. O orador referiu ainda que a chave de sucesso de qualquer projeto é a comunicação, tanto entre os diferentes elementos da equipa, como com os utilizadores.

David Silva Cordeiro e Nuno Silva Pereira, Delivery Leads na Equal Experts, apresentaram as metodologias ágeis, referindo que para trabalhar com Agile é necessário ser-se “um pouco OCD” (obsessive-compulsive disorder). A dupla de oradores reforçou a importância da comunicação, e da liberdade para falhar e aprender, concluindo que não existem métodos de trabalho ideais, tendo cada equipa de encontrar o que melhor se adequa às suas necessidades. “One rule does not fit all.”

Daniel Kisluk, Head of Marketing na Aptoide, falou acerca dos centros comerciais do futuro. O tutor da EDIT. abordou o crescimento do comércio online e da sua incremental importância na faturação das marcas. Concluiu ainda que para ganhar clientes fiéis, é crucial proporcionar-lhes uma experiência agradável, e de “fazê-los sentir-se em casa”.

Por fim, as Industry Sessions na EDIT. Lisboa contaram com João Duarte, Growth Hacker na Build Up Labs, que desmistificou o conceito do Growth Hacking, explicando que esta não é uma tática apenas para start-ups, mas sim um mindset focado no crescimento. João referiu ainda as diferenças entre um growth hacker e um marketeer, e como os dois perfis são complementares entre si.

Porto

Já no Porto, Tiago Paiva, Co-founder & CMO da HUUB, explicou o conceito do negócio desta Startup, como funciona, e os desafios com que se depara no dia a dia. Afirmou que é crucial analisar e utilizar os “dados e tecnologia que temos à nossa disposição” de modo a podermos “acompanhar o mercado”, exemplificando com ferramentas e casos de sucesso.

Sara Ribeiro, E-Commerce & Digital Marketing Coordinator da Sport Zone, falou sobre os principais desafios da loja online da marca da Sonae. Referiu que o “desafio constante” da equipa digital se prende com extrair os verdadeiros insights das quantidades massivas de informação disponível. Acrescenta que o propósito da administração para a marca é colocar o “digital no centro”, dando resposta ao fenómeno em voga atualmente: a “digital transformation”.

Ilídio Faria, Agile Leader & Consultant na Winning Scientific Management, abordou as Metodologias Ágeis de uma forma diferente. O orador apresentou os 4 valores e 12 princípios destas metodologias, e como estas permitem uma maior organização, motivação e também ultrapassar obstáculos, no processo de gestão de projetos.

Vítor Gomes Silva, Senior Product Designer na Farfetch, esclareceu o que é – afinal – um produto digital. Com base no seu trabalho naquela que é “primeira startup unicórnio de Portugal”, deu alguns exemplos de como os produtos digitais podem e devem diferenciar-se atualmente.

De ambos os eventos fizeram ainda parte dois painéis de discussão, e momentos de networking e coffee break. A EDIT. Lisboa despediu-se, assim, da Travessa das Pedras Negras N.º1, espaço onde esteve localizada desde a sua fundação.

A EDIT. pretende continuar a contribuir para instituições de solidariedade social através destes eventos que juntam a comunidade digital e partilham objetivos e tendências do mercado. Em 2018 há mais! ☺

QUERO PARTILHAR ESTA PÁGINA
QUERO PARTILHAR ESTA PÁGINA